Brasileiro foi o adversário mais perigoso do espanhol



A missão era quase impossível. Nesta segunda-feira, o brasileiro Thomaz Bellucci não conseguiu se tornar o segundo tenista a vencer Rafael Nadal no saibro de Roland Garros. O espanhol aplicou 3 sets a 0, com parciais de 6-2, 7-5 e 6-4, no número 29 do mundo e está nas quartas de final do evento. O único resultado negativo do vice-líder do ranking mundial em Paris segue sendo a derrota para o sueco Robin Soderling, nas oitavas de final da edição de 2009 do torneio francês do Grand Slam.


O desempenho em Roland Garros foi o melhor da carreira de Thomaz Bellucci nos quatro principais torneios do circuito profissional. O tenista caminha para ser o segundo tenista brasileiro a figurar no Top 20. Apenas Gustavo Kuerten atingiu o feito, chegando a liderar a lista.


O brasileiro realizou uma boa partida diante de Nadal e foi o tenista que mais incomodou o tetracampeão na atual edição de Roland Garros. Nenhum adversário tinha chegado a anotar cinco games em um mesmo set e 11 no total contra o espanhol. Apesar da derrota, Bellucci provou que cresce cada vez mais e, diante de todas as atenções, mostrou que tem capacidade para ir adiante em outros torneios.


Nadal chegou à marca de 200 vitórias no saibro na carreira. O espanhol ainda soma 21 vitórias consecutivas no piso. Nas quartas de final, o número 2 do mundo mede forças com o vencedor do duelo entre os também espanhóis Nicolas Almagro e Fernando Verdasco.



O JOGO


Nadal iniciou a partida impondo uma quebra logo no primeiro game. Apesar da desvantagem, Bellucci vendia caro a maior parte dos pontos. Com bolas curtas, o brasileiro fez o espanhol subir à rede e conquistou alguns pontos, tanto que devolveu a queba no quarto game. No entanto, na sequência, Bellucci acabou desperdiçando um 40-0 no saque, sofreu nova quebra e se desconcentrou na partida. Nadal dominou os pontos e fechou o set inicial em 6-2.


Bellucci confirmou o serviço no primeiro game da segunda parcial com dois belos saques, que devolveram a confiança. Os tenistas confirmaram até o quinto game, quando Bellucci cometeu um erro bobo em uma bola curta e permitiu que Nadal abrisse a vantagem necessária para a quebra. Mas, na sequência, Bellucci reverteu um 15-40 no saque de Nadal, forçou os erros do espanhol e devolveu a quebra. Com personalidade, o brasileiro chegou a estar em 4-4, mas desperdiçou um game de serviço com uma dupla-falta. Bellucci jogou bem na sequência e devolveu a quebra, mas sofreu uma nova na sequência e perdeu em 7-5.


O terceiro e decisivo set começou com uma quebra para cada lado. Na sequência, Bellucci teve trabalho para confirmar o serviço em um longo game. Quando voltou a sacar, o brasileiro cometeu muitos erros e sofreu nova quebra. A vantagem permitiu a Nadal administrar o jogo confirmando os games de serviço. Apesar de não ter se entregado, Bellucci acabou superado por 6-4 e deu adeus a Roland Garros.



(Fonte:Lancenet.com.br)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui