Com um gol de Mineiro e um de Gilmar Pipoca, terminou empatado o amistoso festivo entre a Seleção Tocantinense e Master do Flamengo, ontem à noite, no Estádio Nilton Santos. A partida teve o pontapé inicial dado pelo governador Marcelo Miranda (PMDB) e o ex-craque da geração de ouro do Flamengo Adílio. Em campo grandes feras desfilaram pelo Nilton Santos, vestindo a camisa rubro-negra como o próprio Adílio, o goleiro Zé Carlos, o meio-campista Gilmar Pipoca misturado de ex-atletas do Vasco como Vivinho e do Fluminense como Renato Carioca. O atacante Cláudio Adão apenas esteve à beira do gramado, mas não atuou. Apesar do bom nível apresentado pelos times, a torcida não compareceu para prestigiar. Menos de mil pessoas estiveram no Nilton Santos.


Homenagem
Antes do início da partida ,jogadores das duas equipes fizeram uma homenagem ao repórter esportivo Élcio Dias, que está com problemas de saúde. A ele foi entregue uma camisa de cada equipe autografada por todos que participaram do espetáculo. O secretário Estadual do Esporte, Palmeri Bezerra, também esteve presente.


Tocantins
A equipe tocantinense foi comandada pelo técnico do Palmas, Ernesto Guedes, que iniciou o jogo com um time, e no segundo tempo colocou outra equipe. O time do Flamengo veio apenas com 15 jogadores.


No primeiro tempo o Tocantins jogou com Dedé; Ramon, Carlinho Bocão, Tronco, Carlinhos Palmas, Fabio Canela, Nilcinho, Deivan Vivaldo, Tiba e Bugrão. Depois entraram ainda Mineiro, Elivan Edinaldo e Rodrigues. A equipe tocantinense criou mais chances, mas esbarrou na experiência do goleiro Zé Carlos.


2º tempo
Na etapa final o time tocantinense jogou com Gilmar, Pebinha, Romildo, Zé Afonso, Cachimbo, Jucelino, Tarcisio, Belmiran, Leca, Belziran e Gilberto. Entram Kurica, Lindjonson, Sabiá e Cerno. Já o Flamengo atuou com: Zé Carlos; Carlos Alberto, Luiz Cláudio, Zé Carlos II e Carlos Henrique; Paulo Henrique, Adílio, Gilmar Pipoca e Renato Carioca; Vivinho e Valtinho. Entraram ainda Manguito, Lulinha, Paulinho Pereira, Hernane e Edson. Na etapa final, a equipe flamenguista criou algumas chances, mas levou o gol aos aos 22 minutos do jogador Mineiro, após bela jogada com Belziran. O Fla Master empatou aos 25 com o Gilmar Pipoca sozinho na área. O jogo teve o apito de Jânio Pires com assistentes Franscisco Casimiro e Heide Cristina e a quarta árbitra Alvani.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui