Em jogo emocionante e cheio de alternativas, o Manchester United se sagrou campeão europeu pela terceira vez nesta quarta-feira. Após empate em 1 a 1 no tempo normal e igualdade sem gols na prorrogação, os Diabos Vermelhos venceram o Chelsea por 6 a 5 na disputa de pênaltis e levaram a taça da Liga dos Campeões, que teve a final disputada em Moscou.


Cristiano Ronaldo, cotado para melhor jogador do mundo em 2008, fez o gol do Manchester nos 90 minutos, mas quase virou vilão ao perder um dos pênaltis na disputa. Lampard fez o gol do empate do Chelsea, que esteve perto de levar o título, mas o capitão Terry, que salvou um gol incrível durante a prorrogação, escorregou no último pênalti e manteve o Manchester vivo. Depois, Anelka perdeu para o Chelsea e os Diabos comemoraram.


Os jogadores brasileiros envolvidos na decisão assistiram ao jogo do banco de reservas. Anderson, pelo Manchester United, e Belletti, no lado do Chelsea, entraram pouco antes do apito final, apenas para participar da decisão por pênaltis (converteram suas cobranças). Alex, zagueirão dos Blues, não teve chance de ir a campo.


Esta foi a primeira vez que dois times ingleses decidiram o principal torneio interclubes do futebol europeu. Foi a 11ª conquista da Inglaterra na Liga dos Campeões, que iguala assim os também recordistas Itália e Espanha.


(Fonte: Globo.com)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui