Depois de 14 anos de espera, o Orlando Magic disputará o título da NBA. A equipe derrotou o Cleveland Cavaliers por 103 a 90 na noite deste sábado, na Amway Arena, fechou a série por 4 a 2 e sagrou-se campeã da Conferência Leste. Com isso, o Magic quebra um jejum que já vinha desde 1995, e o adversário na série decisiva será o Los Angeles Lakers, que eliminou o Denver Nuggets para avançar.


O primeiro quarto foi do Magic, por 30 a 25. Os donos da casa ficaram na liderança do começo ao fim do quarto. Os Cavs
conseguiram encostar o placar duas vezes, mas não efetivaram a virada. Apoiado em Dwight Howard e Rafer Alston, o time da
Flórida foi mais agressivo no perímetro, ao passo que os Cavs exploraram as bolas mais longas.


A equipe dos Cavs levou um susto quando LeBron James foi atingido no olho por Rashard Lewis. O MVP ajudou sua equipe a não
deixar os adversários abrirem uma grande distância no marcador. O Magic chegou a abrir dez pontos nos últimos
segundos, mas James trouxe a diferença para cinco pontos antes do encerramento da primeira parcial.


No entanto, o camisa 23 desapareceu do jogo e zerou no segundo período. Com o astro apagado, o Magic disparou no placar. Após
Mo Williams anotar seus dois primeiros pontos no jogo para os Cavs, e diminuir para 35 a 29, o time local anotou 14 pontos
seguidos, contra cinco dos visitantes.


Após seis minutos sem marcar, Delonte West quebrou a maré de azar para o Cleveland,
restando 3 minutos para o término do período. Howard continuou se destacando e anotou 21 pontos antes do intervalo, e sua
equipe foi para os vestiários vencendo por 58 a 40.


O terceiro quarto começou com o Cleveland anotando oito pontos seguidos, o que levou o técnico Jaff Van Gundy a solicitar
tempo para esfriar os ânimos. Deu certo. A reação dos Cavs logo foi contida, e o time de Ohio não voltou a ameaçar.


(Fonte:UOL)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui