Guga agradece o apoio da torcida em sua última partida em solo brasileiroDiante de uma torcida apaixonada, que ignorava a nacionalidade do rival do outro lado da rede, e sob os olhares atentos da mãe, Alice, do irmão, Rafael, e do treinador, Larri Passos, Gustavo Kuerten fez sua última apresentação em solo brasileiro. E foi um gaúcho de 23 anos, sem nenhum título em torneios oficiais, quem escreveu um dos últimos capítulos da história do maior tenista do Brasil. Dono de 20 taças, entre elas três de Roland Garros, o catarinense perdeu, nesta quinta-feira, para Franco Ferreiro nas oitavas-de-final do Challenger de Florianópolis por 2 sets a 0: 7/5 e 7/6 (7/2). Guga lutou até o fim, fez lembrar os velhos tempos, mas, massageando seguidas vezes o problemático quadril, não resistiu à longa jornada.


– Foi além de qualquer expectativa que eu tinha. Eu me senti como nos grandes momentos. Jamais esperava que fosse jogar tão bem – diz Guga.


O adeus definitivo às quadras será apenas em Paris, no Torneio de Roland Garros. Antes, disputará o Masters Series de Monte Carlo e no ATP de Barcelona.


(Fonte: Globo.com)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui