O Brasil tem três representantes entre os cinco times mais bem colocados no geral da primeira fase da Taça Libertadores, mas nem mesmo eles terão vida fácil nas oitavas-de-final. O Fluminense (primeiro lugar) enfrentará o Nacional de Medellín; o Flamengo (segundo lugar) terá pela frente uma longa viagem para pegar o América do México; e o Cruzeiro (quinto lugar) encarará o pesadelo dos brasileiros, o Boca Juniors.


O São Paulo, que terminou na oitava colocação no geral, enfrentará o Nacional do Uruguai; e o Santos (décimo lugar) jogará novamente contra o Cúcuta, repetindo confrontos da primeira fase.


As partidas de ida das oitavas-de-final – com mando de campo dos times entre o nono e o 16º lugares – serão realizadas já na próxima semana. O segundo confronto está marcado para 7 de maio.  


Confira os confrontos das oitavas-de-final
Fluminense (1º colocado) x Nacional (COL) (16º colocado A)
Flamengo (2º colocado) x América (MEX) (15º colocado B)
River Plate (3º colocado) x San Lorenzo (14º colocado C) 
Atlas (MEX) (4º colocado) x Lanús (ARG) (13º colocado D)          
Cruzeiro (5ºcolocado) x Boca Juniors (12ºcolocado E)     
Estudiantes (ARG) (6º colocado) x LDU (EQU) (11º colocado F)         
Cúcuta (COL) (7º colocado) x Santos (10º colocado G)
São Paulo (8º colocado) x Nacional (URU) (9º colocado H)


Quartas-de-final (14/5 e 21/5) 
Vencedor do Jogo A X Vencedor do Jogo H  S1
Vencedor do Jogo B X Vencedor do Jogo G  S2
Vencedor do Jogo C X Vencedor do Jogo F  S3
Vencedor do Jogo D X Vencedor do Jogo E  S4
            
Semifinal (28/5 e 4/6)  
Vencedor do Jogo S1 X Vencedor do Jogo S4 F1
Vencedor do Jogo S2 X Vencedor do Jogo S3 F2
       
       
Final (25/6 e 2/7)  
Vencedor do Jogo F1 X Vencedor do Jogo F2  



Regulamento:
Nas oitavas, nas quartas e na semifinal, o gol fora de casa é critério de desempate em caso de igualdade no número de pontos e no saldo de gols nos dois confrontos.


Nas mesmas fases, se os dois times empatarem em número de pontos, em saldo de gols e em gols fora de casa, vão diretamente para a disputa de pênatis, sem prorrogação.


Na final, o gol fora de casa não é mais critério de desempate.


Assim, se os times se igualarem em número de pontos e em saldo de gols na decisão, disputarão uma prorrogação de 30 minutos. Mantendo a igualdade, vão à decisão por pênaltis.


Se dois times do mesmo país chegarem à semifinal, eles terão obrigatoriamente de se enfrentar.


Se um time mexicano disputar a final, terá de jogar a primeira partida como mandante, para que o campeonato termine na América do Sul.


 




















































































































        Jogo
Divulgação  Fluminense
 (1º colocado)
X
 Nacional-COL 
(16º colocado) 
Divulgação A
           
Divulgação  Flamengo
 
(2º colocado)
X  América-MEX 
(15º colocado) 
B
           
Divulgação  River Plate-ARG
 (3º colocado)
X  San Lorenzo-ARG 
(14º colocado) 
Divulgação C
           
 Atlas-MEX
 (4º colocado)
X  Lanús-ARG 
(13º colocado) 
Divulgação D
           
Divulgação  Cruzeiro
 (5º colocado)
X  Boca Juniors-ARG 
(12º colocado) 
Divulgação E
           
Divulgação  Estudiantes-ARG
 (6º colocado)
X  LDU-EQU 
(11º colocado) 
Divulgação F
           
Divulgação  Cúcuta-COL
 (7º colocado)
X  Santos 
(10º colocado) 
Divulgação G
           
Divulgação  São Paulo
 (8º colocado)
X Nacional-URU 
(9º colocado) 
Divulgação H


 


(Fonte: Globo.com)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui