Pista de ciclismo BMX da Olimpíada Rio-2016, no Parque Radical de Deodoro – Divulgação

Como parte do legado dos Jogos Olímpicos do Rio 2016, Palmas terá uma pista de bicicross BMX- SX no formato supercross, modalidade ciclismo pista B, nos moldes da utilizada nas Olimpíadas.

A ordem de serviço para a construção da pista foi assinada na tarde desta quinta-feira, 28, pelo prefeito de Palmas, Carlos Amastha, pelo presidente da Fundação Municipal de Esporte e Lazer, Orlando Rangel, e pelo representante da empresa responsável pela obra, Alex Quintino.

A pista terá cerca de 470 metros de extensão e será construída numa área de 6.159 metros quadrados. Além dos obstáculos característicos das pistas de bicicross, o local contará com paisagismo nas laterais, grades de proteção, dentre outros equipamentos. A obra é proveniente de parceria firmada com o Governo Federal, na ordem de R$ 900 mil, e faz parte das obras do Complexo Poliesportivo na Vila Olímpica de Palmas, próximo ao Setor Bertaville. O prazo de conclusão da pista é de 120 dias.

Amastha destacou que a construção dessa pista reafirma o compromisso da Prefeitura para consolidar Palmas como a capital do esporte. “Será um benefício a todos os moradores da Capital e mais um atrativo para quem reside na região Sul da cidade”, lembrou.

Conforme Rangel, a construção da pista tem como objetivo atender a população do município com estrutura apropriada que permita segurança, conforto visual, comodidade de uma área de lazer de qualidade.(Fonte: Fernanda Mendonça/Ascom Prefeitura de Palmas).

www.aloesporte.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui