O resultado permite que os comandados de Muricy Ramalho joguem pelo empate na partida de volta, marcada para o próximo domingo, no Parque Antarctica. A formação dirigida por Vanderlei Luxemburgo terá de vencer para disputar a final contra Ponte Preta ou Guaratinguetá.


A vantagem tricolor começou a ser construída em um lance que gerou muita reclamação dos palmeirenses. Aos 11min, Jorge Wagner cobrou falta da meia esquerda, e Adriano esticou o braço direito para balançar a rede. Após alguma confusão, o gol foi confirmado.


Alex Mineiro chegou a acertar a trave em cabeçada, mas o placar foi mantido até o intervalo. Logo a 1min da etapa final, Adriano voltou a aparecer em lance decisivo. Após erro feio de Gustavo, o camisa dez recebeu passe de Jorge Wagner, ganhou no corpo de Pierre e bateu na saída de Marcos: 2 a 0.


Luxemburgo, então, resolveu gastar sua alterações. Até os 20min, já haviam entrado Martinez, Denílson e Lenny nos lugares de Pierre, Kléber e Élder Granja, respectivamente. Foi Lenny, o último a entrar, que sofreu pênalti de Alex Silva. Alex Mineiro fez a cobrança, aos 31min, e diminuiu o prejuízo do Palmeiras.


As duas equipes terão desfalques para a partida do próximo domingo, no Parque Antarctica. Pelo lado alviverde, a baixa é Pierre, que levou o terceiro cartão amarelo no jogo de hoje. Cumprirão suspensão automática pelo mesmo motivo os são-paulinos Richarlyson e Zé Luís.


 


(Fonte: Terra)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui