Fabion Gomes e Leomar Quintanilha entregam troféu de campeão aos jogadores e ao presidente do TEC, Paulinho Gomes – Foto: Reinaldo Cisterna

Com dois gols do artilheiro Jheimy (11 gols), um aos 16 e outro aos 43, ambos no primeiro tempo e um do volante Pedro Dias, aos 39 do segundo, o TEC venceu o Interporto por 3 x 0, na tarde de domingo (10), no Estádio Ribeirão, e conquistou o bicampeonato Tocantinense, o seu quinto na história (1993, 2002, 2015, 2021 e 2022). No jogo de ida disputado no dia 2 de abril, a partida terminou 0 x 0, no Estádio General Sampaio, em Porto Nacional.

Jogadores comemoram com o artilheiro Jheimy (c) o primeiro gol do TEC na vitória sobre o Interporto, no Estádio Ribeirão, em Tocantinópolis – Fotos: Jheorge/Tocemfoco – Divulgação

HEGEMONIA

Com mais esta conquista, o TEC segue mantendo o domínio e hegemonia do futebol tocantinense. Nos últimos quatro anos a equipe do Verdão do Bico esteve na decisão do Tocantinense: perdeu 2019/2020 (Palmas), mas em 2021 (venceu o Araguacema) e agora o Interporto/2022).

Com mais esta conquista, o clube do Bico do Papagaio garantiu como premiação um carro zero km (Fiat Cronos), além do direito de novamente em 2023 representar o Tocantins na Copa do Brasil, Brasileiro Série D e Copa Verde.

As atenções do TEC agora é no próximo domingo para o Brasileiro da Série D. A equipe tocantinense estreia no Estádio Ribeirão contra a |Tuna Luso (PA). Depois no dia 20 enfrenta o Atlético Paranaense pela Copa do Brasil, também em casa. https://aloesporte.com/73980-2/

MELHORES

Após a partida a Federação Tocantinense de Futebol (FTF) realizou a entrega de premiação não só para o time campeão da Taça Osmar Barbosa, além de premiar os melhores do campeonato. O artilheiro foi Jheimy que pelo segundo ano consecutivo foi de artilheiro da competição com 11 gols.O jogador Mendes do Interporto foi o vice-artilheiro com seis gols. O goleiro Jefferson do TEC foi eleito o melhor goleiro do Tocantinense 2022.O técnico Jairo Nascimento o melhor técnico da competição.

Premiação
Artilheiro:
Jheimy (Tocantinópolis – 11 gols
Melhor goleiro: Jeferson ((Tocantinópolis)
Melhores jogadores do Estadual
Pedro Mendes (Tocantinópolis)
Mendes – (Interporto)
Melhor técnico: Jairo Nascimento: do Tocantinópolis

QUATRO FINAIS
Vale registrar que as duas equipes entre a profissionalização do futebol tocantinense no ano de 1993 até 2022 fizeram quatro finais: e ambas venceram duas. O Interporto ganhou nos anos de 1999/2014, enquanto o TEC foi campeão em 2015/2022.

Durante a entrega da premiação da Taça Osmar Barbosa, o presidente da FTF, Leomar Quintanilha entregou uma placa homenageando o ex-presidente do Tocantins de Miracema e também prefeito de Miracema nos final dos anos 80, que faleceu no início deste ano pela Covid-19. O cronista esportivo Paulinho Cavalcante esteve presente no evento para receber a homenagem para a família de Osmar Barbosa.

Ficha Técnica
TEC:
Jeferson; Marcinho (Junior Gama), Betão, Wanderson e Chico Bala; Pedro Dias, Alan Maia (Azul), Thiago Bagagem (Debu) e Rai (Dede); Jheimy (Elenilson) e Rômulo – Técnico: Jairo Nascimento.

Interporto: Jean Carlos, Jorge (Fernando), Cris, Robinho e Tanaka; Jhonnatan, Afonso (Maikon Leite), Walney, Mendes (Lelo); Rodrigo (Bruno Humberto) e Memo (Uederson). Técnico Wilsomar Sena

Árbitro: Allison Furtado (Palmas)
Assistente 1: Fábio Pereira (Araguatins)
Assistente 2: Cipriano Souza (Guaraí)
Quarto árbitro: Tarcísio Matos (Palmas)

Local: Estádio Ribeirão (Tocantinópolis)
Data: dia 10/04/2022
Horário: 16 horas
Renda:R$ 36.000
Público Pagante: 2.191 + 13 meia/entrada
Total de público: 2.204

Gols: Jheimy, aos 16 e 432 do 1º tempo. Pedro Matos, aos 39 do segundo tempo (TEC)
Cartões Amarelos: Tanaka (INT) (20 do 1º tempo), Walnei (INT), Memo (INT),
Cartões Vermelhos: Tanaka, aos 41º do 1º tempo foi expulso.

Jogadores comemoram o segundo gol do TEC na vitória sobre o Interporto, no Estádio Ribeirão, em Tocantinópolis – Fotos: Jheorge/Tocemfoco – Divulgação

Todos os campeões
Palmas
: 8 títulos (2000, 2001, 2003, 2004, 2007, 2018, 2019 e 2020)
Gurupi: 6 títulos (1996, 1997, 2010, 2011, 2012 e 2016)
Tocantinópolis: 5 títulos (1993, 2002, 2015, 2021 e 2022)
Interporto: 4 títulos (1999, 2013, 2014 e 2017)
Araguaína: 2 títulos (2006 e 2009)
União Araguainense: 1 título (1994)
Intercap: 1 título (1995)
Alvorada: 1 título (1998)
Colinas: 1 título (2005)
Tocantins de Palmas: 1 título (2008)

www.aloesporte.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui