Cadê um dos pioneiros do futebol tocantinense, o desportista Moisés fundador do Independente FC 

Por onde anda Antônio Moisés Melo Alves, ou simplesmente Moisés como é conhecido, o atleta amador, dirigente, técnico, um dos fundadores e técnico do Independe Futebol Clube, técnico do Taquarussu Esporte Clube, além de ter sido presidente da Liga Esportiva de Porto Nacional e juntamente com as ligas de Paraíso, Gurupi e Araguaína encabeçaram o movimento para a criação e fundação da Federação Tocantinense de Futebol. No currículo consta ainda que foi diretor de futebol e presidente da Comissão Estadual de Arbitragem da FTF e também presidente da Liga Esportiva de Palmas. E não para por aí, muitas outras atribuições que vejamos mais no relato da história. Afinal, Cadê você, Moisés? https://aloesporte.com/categoria/cade-voce/

 

Vida pessoal
Maranhense da cidade de Tum-Tum foi criado em Porto Nacional (antigo Norte de Goiás), e depois se tornou tocantinense por adoção. Nasceu no dia 22 de abril de 1966. Hoje está com 54 anos de idade. É casado com Janislene França Pais Alves, e o caso tem duas filhas: Karine Paz Alves, de 24 anos e Milena Paz Alves, de 20. Trabalha na Prefeitura Municipal de Palmas (Fundação de Juventude) e reside em Taquaruçu. Está estudando e em breve se formará em Bacharel em Teologia Ministério Pastoral pelo Seminário Teológico Batista do Tocantins Campus de Palmas.

Histórico
Moisés conta que sua trajetória começou nos campinhos de futebol de Porto Nacional, desde cedo e apaixonado pelo futebol, onde sonhava ser um grande jogador ouvindo no rádio o Campeonato Carioca. Segundo ele, foi quando começou a torcer pelo Flamengo de Zico, Adílio e companhia. “Mas era muito difícil sair do interior para os grandes centros onde tinha futebol profissional, então era fazer o melhor no amador”, comentou.


Moisés recorda que um dia foi convidado para jogar no Nacional Esporte Clube do Zequinha Rodrigues, em Porto Nacional e foi sua melhor experiência que teve como atleta amador, devido às boas amizades que construiu. Saiu do clube quando teve que prestar o Exército no Tiro de Guerra 11005 de Porto Nacional.

Interporto
Depois rodou em várias equipes amadoras até chegar no Interporto, de Mário Humberto. Como ficava só banco, um dia ele pediu ao Moisés para montar uma equipe juvenil para representar o Interporto no Campeonato Municipal. “Montei a equipe e chegamos na final invicto sem perder uma partida e vencendo todos os jogos, mas devido uma virose que tirou vários garotos do jogo final, acabamos perdendo a final por 1 a 0, gol sofrido as 47 do segundo tempo”, explicou Moisés, acrescentando que descobriu que tinha estrela de campeão como técnico mesmo perdendo saiu vitorioso como o melhor treinador da competição.

Técnico de futebol
Foi daí que Moisés disse quando parar de jogar vou ser técnico de futebol o que aconteceu logo em seguida. Os garotos do juvenil do Interporto pediram para ele fundar uma equipe. Fizeram a reunião com a permissão do Mario Humberto e fundaram o glorioso Independente Futebol Clube.
“É a minha grande paixão. Como técnico do Independente ganhei tudo no amador desde a base até o adulto. Depois fui convidado para ir para o Taquarussu Esporte Clube, onde fui campeão Estadual Amador da Segunda Divisão em 1991”, recorda com orgulha.

Liga Esportiva Portuense
Ainda no Taquarussu Esporte Clube, chegou a duas finais de forma invicta do Copão Primavera, organizado pela Liga de Palmas. Como dirigente de futebol foi presidente por dois mandatos da Liga Esportiva Portuense de Porto Nacional e juntamente com as ligas de Paraíso, Gurupi e Araguaína encabeçaram o movimento para a criação e fundação da Federação Tocantinense de Futebol (FTF).

Moisés relembra que quando foi eleito na chapa do presidente Leomar de Melo Quintanilha, o segundo vice-presidente, e na FTF ainda ocupou o cargo de diretor de futebol e presidente da Comissão Estadual de Arbitragem.

Foi presidente da Liga Esportiva de Palmas quando organizamos a Primeira Copa Palmas de Futebol Amador da Capital – Troféu Prefeito Eduardo Siqueira Campos, com 20 equipes, sagrando campeão a Sociedade Esportiva Canela, equipe virou o Palmas Futebol e Regatas e vice o Novo Horizonte Futebol. Segundo ele, a final registrou um público segundo a Policia Militar de 2.500 pessoas num domingo à tarde no bairro do Aureny IV, em Palmas.

Fez parte das comissões que profissionalizou o Palmas Futebol e Regatas, Interporto Futebol Clube e Araguaína Futebol e Regatas. Na Prefeitura Municipal de Palmas ocupou o cargo de Gerente de Esportes no segundo mandato do Prefeito Raul Filho.
Coordenou até 2013, o Projeto Gerando Campeões de Taquaruçu da Prefeitura Municipal de Palmas, quando foram revelado vários atletas para o nosso futebol como o garoto Danilo Gomes, de Buritirana, hoje uma grande promessa no São Paulo Futebol Clube.

Deixou o esporte
Há sete anos disse ter se afastado do esporte e hoje dedica ao seu trabalho, a família, aos meus amigos e a pregação da Palavra de Deus. “Se Deus quiser esse ano estarei me formando em Bacharel em Teologia Ministério Pastoral pelo Seminário Teológico Batista do Tocantins Campus de Palmas”, finalizou Moisés.

Quero ainda citar e prestar minha homenagem a essa equipe do programa esportivo da Rádio Anhanguera de Porto Nacional que fizeram história comentando e a transmissão dos jogos na época do amador. Meus sinceros agradecimentos aos meus críticos e admiradores do meu trabalho: Raimundo Mendes, José Macedo, Miguel Rodrigues, Edgar Mascarenhas, Luís Carlos (Lula), não está na foto mais quero agradecer o diretor da rádio na época que era meu fã de carteirinha do meu trabalho José Macedo muito obrigado sem vocês o esporte amador nunca tinha chegado a onde chegou parabéns pelo trabalho de vocês. Vocês fazem parte da minha história!

Bate-pronto
Qual o melhor time que vc jogou no Tocantins?
Nacional Esporte Clube do meu amigo Zequinha Rodrigues aprendi muito com esse cara.

Qual o melhor jogador que viu jogando no Estado?
Vixe, difícil escolher um apenas, são muitos desde a base até o adulto a lista é muito grande. No Independente e Taquarussu com certeza estava os melhores jogadores que vi jogar até hoje nesse estado.

Qual melhor técnico que viu trabalhando no Tocantins?
No amador sem desmerecer ninguém eu Antônio Moisés Melo Alves e no profissional mesmo sem acompanhar de perto gostei do trabalho do Carlos Magno.

Qual o melhor juiz que viu apitando no Tocantins até hoje?
Pela coragem Kleiber Rocha de Porto Nacional e Enivaldo Almeida de Miranorte e pela frieza meu amigo e padrinho de casamento e pioneiro na arbitragem do Tocantins Jose Roberto da Silva, de Porto Nacional.

Qual o melhor campo para se jogar no Tocantins?
Estádio General Sampaio de Porto Nacional.

Qual foi o pior campo que acha para se jogar no Tocantins?
Estádio Castanheirão de Miracema.

Qual melhor dirigente de futebol do futebol Tocantinense?
Pela seriedade meu amigo Jose Ribamar (Nego Junior in-memoriam) de Porto Nacional e Valter Borges primeiro presidente do Palmas Futebol e Regatas. Os dois foram diferenciados.

 

Perfil

Nome completo: Antônio Moisés Melo Alves
Apelido: Moisés
Nasceu onde: Tum-Tum (MA) e criado em Porto Nacional (antigo Norte de Goiás) e depois Tocantinense por adoção.
Idade/Data de nascimento: 22 de abril 1966 (54 anos de idade)
Ídolo no futebol: Zico
Casado com Janislene França Pais Alves
Filhos: 2 filhas Karine Paz Alves 24 anos e Milena Paz Alves 20
Onde trabalha: Trabalho na Prefeitura Municipal de Palmas – Fundação de Juventude e Moro em Taquaruçu.

VÍDEO DO INDEPENDENTE FC – https://drive.google.com/file/d/1d-36uHthcGny8z80sEzuB1iHnNO9zwiE/view

Projeto Gerando Campeões – Taquaruçu – Palmas (TO). https://www.youtube.com/watch?v=80vJlcF96SQ&feature=youtu.be

www.aloesporte.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui