Participação dos pilotos tocantinenses na 27ª edição do Rally dos Sertões não foi dos melhores

A participação dos pilotos Danilo Gomes (categoria Production Aberta), da Equipe DanGo Racing e Leandro Mokfa (categoria Marathom), representando o Tocantins na disputa da 27ª edição do Rally dos Sertões não foi dos melhores.

Danilo Gomes teve problemas mecânicos e não conseguiu completar as etapas. Já o piloto Leandro Mokfa teve que abandonar o rali na terceira etapa, pois sua moto acabou pegando fogo (vídeo acima) e o tocantinense teve de desistir do restante da prova.

Rally dos Sertões
Danilo Gomes (categoria Production Aberta), da Equipe DanGo Racing, durante a disputa do Rally dos Sertões 2019 – Arquivo Pessoal

A 27ª edição do Rally dos Sertões, uma das maiores provas off road do mundo, começou no último sábado (24), em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, e terminará em Aquiraz, no Ceará (31). Os competidores percorrerão mais de 4.800km ao longo das oito etapas do torneio.

Ontem a caravana chegou à cidade de Porto Nacional durante a quarta etapa. E hoje seguiu de Porto Nacional para São Félix do Tocantins/Jalapão. Depois vão restar mais três etapas para o término do rali.

Essa sexta-feira (30) promete uma etapa difícil e de belíssimo visual para os competidores ao passar pelos cânions na divisa entre Tocantins e Piauí. Serão 540 quilômetros de trecho cronometrado. A sétima etapa será entre Bom Jesus (PI) Crateús (CE) – ( 941 km) e a oitava etapa, entre Crateús (CE) – Aquiraz (CE) (405 km).

Rally dos Sertões
Danilo destacou ainda que iria finalizar o Sertões e focar na preparação para o próximo ano, pois em fevereiro tem prova na Argentina -Fotos: Arqico Pessoal

Decepção
A expectativa de Danilo e a equipe era muito boa. Segundo ele, iriam inaugurar uma moto nova, e foi feito tudo para deixá-la pronta. Ele ressalta que foi feito um bom trabalho de preparo física visando fazer bem a prova e ter um resultado positivo, mas infelizmente começou a ter problemas mecânicos nas primeiras três etapas e tudo foi por água abaixo. “Não consegui completar estas etapas, a gente desconfia que pode ter sido algum problema no sistema de alimentação, combustível, bomba ou bico injetor”, explicou ele afirmando que acabou prejudicando todo planejamento feito.

Diante disso, não havia mais uma justificativa plausível para continuar a corrida, apenas disse que vai permanecer e tentar chegar até Fortaleza para ajudar a equipe de apoio, já que tem outros pilotos de vários estados ainda na prova e, por isso, irá torcer por resultados positivos de quem ainda está correndo pela equipe.

Danilo destacou ainda que iria finalizar o Sertões e focar na preparação para o próximo ano, pois em fevereiro tem prova na Argentina. “Vamos tentar sanar os problemas e descobrir o que realmente aconteceu e seguir em frente”, finalizou chateado o piloto tocantinense.

17ª vez no Tocantins
Lembrando que nos 27 anos da realização do Rally dos Sertões, em 2019 está sendo a 17ª vez que a caravana passou pelo solo tocantinense. Nos últimos dois anos, o Tocantins não esteve no roteiro da organização. E agora retornou passando pela cidade de Porto Nacional e São Félix do Tocantins.

Etapas restantes: Sertões 2019 – 24/08 a 01/09

6ª etapa – 30/08
São Félix do Tocantins (TO) – Bom Jesus (PI)
Trecho Cronometrado – 540 km
Total: 542 km

7ª etapa – 31/08
Bom Jesus (PI) Crateús (CE)
Trecho Cronometrado – 320 km
Total: 941 km

8ª etapa – 01/09
Crateús (CE) – Aquiraz (CE)
Trecho Cronometrado – 30 km
Total: 405 km

Total da Prova: 4.887,59 km
Total Cronometrado (Especiais): 2.858,46 km

 

Tocantins terá representantes na 27ª edição do Rally dos Sertões 2019

www.aloesporte.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui